janeiro 19, 2013

Hoje voltei a ter 8 anos


Veio este temporal aborrecer uma pessoa e despertar velhas lembranças. Está que não se pode, aventurei-me a ir beber um café e tentar fazer uns recados o que depressa se tornou uma péssima ideia.

A cada curva era impulsionada 2 a 3 metros à frente ou atrás. Mas isto acabou por se tornar engraçado porque me fez lembrar uma situação que me aconteceu tinha eu 8 anos.

 A minha mãe foi trabalhar e deixou-me no escritório da minha Madrinha e eu teimei que queria ficar com o guarda chuva dela. Teimei, teimei e com ele lá fiquei e também com a seguinte mensagem "Tu ficas com o guarda chuva, mas se o perdes, logo temos uma conversinha". Está bem lá fiquei com o guarda chuva, mas as palavras é que ficaram bem marcadas, de tal maneira que a minha mãe ainda hoje se arrepende de as ter dito.

Então que sucedeu, andava eu a passear na rua com o belo do guarda chuva, uma coisa minúscula nem metro e meio e talvez uns 30 e pouco kgs, dobro uma esquina. Oh Diabo, tal corrente de ar que me puxou o guarda chuva para o levar, mas eu largar o guarda chuva?? Nem pensar, não podia!  Então tive de me agarrar ao cano de escoamento do prédio da dita esquina para não perder o guarda chuva nem voar, porque os meu pezinhos já estavam no ar. O que me valeu foi um rapaz de bicicleta que me agarrou porque senão tinha mesmo dado uma voltinha pelo ar!

Santa inocência! Claro que depois levei um mini raspanete por não ter largado o guarda chuva lol Pin It Now!

Sem comentários:

Enviar um comentário