junho 03, 2014

Assuntos que me deixam especialmente furibunda

Ler este tipo de notícia deixa-me completamente fora de mim. Irrita-me este palhaços que nos governam empolarem estatísticas desta maneira criando visões utópicas de algo que está longe de ser a realidade. O desemprego caíu novamente. Aí sim? Olhem cá eu, não estou nas listas do desemprego mas também não tenho nenhum contrato de trabalho com nenhuma entidade. Ah calma, tenho um contrato sim, com o IEFP, trata-se de um medida de emprego em que me pagam 1,13€ por cada hora de formação que me dão e o subsídio de almoço. Ah mas calma lá que esse 1,13€ têm um limite de 32h/semana e eu faço 40h/semana logo ainda perco. E descontos faço? Niente!

Mais coisas que fazem com que estes números sejam uma palhaçada: os estágios profissionais.  A exploração mais descarada de profissionais que eu já vi na minha vida. É algo que me complica a cérebro, mas que raio é que estas empresas querem ou esperam? O que foi feito da retenção de talento? De dar dormação de qualidade para ter profissionais de rigor? Mas a sério que esta coisa de ter lá uma estagiário de ano a ano traz benefícios às empresas?! O estágios profissionais são uma boa medida na forma que assumem como iniciação formativa de um profissional, desde que seja assegurada a sua continuação na entendida, o que eu tenho visto acontecer, mas pouco.

A grande questão que eu gostava de colocar aos nossos governantes sobre estas medidas e estes estágios é: e a sustatenbilidade destas pessoas?! Tanto a nível financeiro como de carreira, onde está? Ficou na gaveta?! Agora são uma estatística xuxu e daqui a uns meses ou a um ano são uma menos xuxu que será compensada por mais um molhinhos de novas medidas e estágios??

Puff

Pin It Now!

6 comentários:

  1. eu estou como tu, trabalho que é bom, nada!
    só aparece anúncios para estágios, e jovens licenciados até para o Lidl eles pedem jovens licenciados para a caixa....não entendo e sinceramente desmotiva e muito a forma como as coisas estão a caminhar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois sem dúvida a grande questão é onde é que eles querem chegar com isto :(

      Eliminar
  2. O país está numa situação terrível.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já nem há palavras para expressar o nosso sentimento não é?

      Eliminar
  3. Se os pusessem a eles a estagiar nesta condições, talvez a coisa mudasse... ****

    ResponderEliminar