maio 11, 2015

Coisas que me transcendem


Eu não sou destas coisas, mas cá vai disto: irrita-me ir ao blogue d' A Pipoca Mais Doce e ver as pessoas ofendê-la (e quem diz a ela diz a outras). Eu não sou leitora dela, vou lá sobretudo feita interesseira a participar nos passatempos, e claro que, durante essa demanda (bastante ocasional) passo na diagonal por alguns posts e hoje um chamou-me particular atenção porque era ela mesmo a gozar com um dos seus atancantes (e se há coisa que a mulher tem, é um grande sentido de humor - que roça arrogância também se diga).

Mas o que eu não entendo, e acho mesmo transcendente, é as pessoas irem lá gastar latim a vomitar merda para cima da mulher. Ora porra não leiam! Eu não leio nada dela com afina atenção porque: não me identifico com o que ela escreve, não tenho dinheiro para as coisas pipis e por vezes bonitas que ela para lá mete, e por vezes fico com uma boa pontada de inveja do closet dela. No entanto, nunca na kinha vida perderia tempo a deitar a mulher abaixo, nem a deitar-lhe os meus problemas para cima (como hoje para lá li: esposos doentes, filhos no desemprego, Deus Nossa Senhora) como se fosse ela a raiz ou solução das porras que vão mal na minha vida.

E pior é que esta coisa dos Anónimos parece-me que quanto aparece é tipo cancro: espalha depressa e pelos discursos que vejo é fulminante!

Pronto, tinha de deitar isto cá para fora é que achei a cena de atirar na "cara" da Pipoca que ainda para mais é Doce a questão do desemprego dos filhos e do marido e da vizinha de baixo um abuso e só prova que realmente nós tugas não somos poucaxinhos por sermos só 10 milhões, é por muito mais... Pin It Now!

4 comentários:

  1. o pessoal anda todo resabiado... tb só lá vou pelos passatempos, quando começam aqueles post's de xaxa e derramam para lá merda... esquece nem me dou ao trabalho

    ResponderEliminar
  2. A Pipoca gera legiões de fãs e legiões de "haters". Mas de facto a mim também me intriga esta coisa das pessoas perderem tempo a criticá-la. Também eu olho para o blogue dela e há muita, muita, muita coisa com a qual não me identifico. às vezes estou sem ir lá umas duas semanas e quando lá vou, percebo os passatempos que me passaram ao lado. Mas daí a perder tempo a comentar e a insultar acho que é coisa de gente sem nada para fazer. A parte que mais lhe admiro são as respostas que ela dá a estes anónimos. Neste caso, dou a mão à palmatória: ela é exímia!

    ResponderEliminar
  3. Eu não gosto do blogue dela e acho-a arrogante, portanto não leio, não visito, não quero saber. Mas há pessoas que não tem muito que fazer da vida, e depois dá nisto.

    ResponderEliminar
  4. o pessoal só está bem a criticar. não aprende.

    ResponderEliminar